WhatsApp

MMP ® (Microinfusão de Medicamentos na Pele)

MMP - Tratamento Capilar

MMP

Trata-se de um método capaz de inserir medicamentos ativos diretamente na altura da pele onde é necessária a aplicação para obter melhores resultados.

Nossa pele é composta por camadas que funcionam como uma forma de defesa física e biológica do organismo. Por isso, acaba dificultando a absorção de medicamentos que são aplicados sobre ela.
Desta maneira, o MMP tem o objetivo de tornar os tratamentos mais rápidos, facilitando a penetração dos medicamentos na pele. A técnica permite a atuação de princípios ativos de forma eficaz, precisa e uniforme.

Pode ser utilizada para o tratamento de: calvície masculina e feminina, leucodermia gutata, quelóide, estrias, melasma, melhora da qualidade da pele, verrugas e até psoríase.

A medicação é introduzida na pele através de um aparelho que utiliza micro agulhas, em um movimento de vai e vem, com velocidades e profundidades definidas pelo médico, para que possa agir no local ideal para o tratamento. São medicações diferentes de acordo com cada patologia e quadro clínico do paciente.

A técnica é utilizada em consultório e em geral as sessões são realizadas com intervalo de 30 dias. 

Cabelos

Com essa tecnologia podemos tratar desde eflúvio telógeno (queda acentuada dos fios) até a alopécia androgenética (calvície).

É possível também melhorar o aspecto dos cabelos, estimulando a formação de fios mais saudáveis, brilhantes e resistentes.

Em cada situação escolhemos as medicações adequadas para infiltrar a área afetada do couro cabeludo.

A aplicação é feita na área afetada do couro cabeludo sob bloqueio anestésico, com intervalo mensal. A quantidade de sessões necessárias depende do estágio da doença e tratamento, mas são necessárias pelo menos 3 sessões.

Leucodermia gutata (manchas brancas)

No caso das manchas brancas nos braços e pernas causadas pelo sol (leucodermia gutata), a MMP irá provocar um estímulo para o retorno da pigmentação natural da pele. Utiliza-se um anestésico tópico para redução do desconforto, sendo muito bem tolerado.

O processo obtém uma resposta que pode ser observada em torno de duas a quatro semanas após a aplicação.

Cicatrizes

As cicatrizes hipertróficas e queloides também podem ser tratados com a MMP. São utilizados medicamentos que atuam diminuindo a altura, rigidez e alargamento dessas cicatrizes.

Estrias

A MMP é utilizada para melhorar a qualidade da pele, redução do alargamento, profundidade e melhora da cor.

Rejuvenescimento

A técnica pode ser utilizada para estímulo de colágeno e melhora da qualidade da pele.

Pós procedimento

As agulhas utilizadas no procedimento provocam microlesões na pele e, portanto, podem causar inchaço e vermelhidão que desaparecem aos poucos. O paciente pode retomar suas atividades no mesmo dia. Além disso, é importante não manipular a região tratada e evitar exposição ao sol.